Quinta, 21 de Outubro de 2021
Justiça Bahia

PGE defende legalidade de credenciamento de serviços de saúde

O credenciamento da prestação de serviços de saúde vem sendo amplamente utilizado pela Administração Pública há mais de duas décadas, com reconhecimento legal do Tribunal de Contas da União (TCU) e do Superior Tribunal de Justiça (STJ).

10/09/2021 às 18h35
Por: Redação Fonte: Secom Bahia - (Pamela Simplício)
Compartilhe:
Foto: Fernando Vivas/GOVBA
Foto: Fernando Vivas/GOVBA

A Procuradoria Geral do Estado (PGE) defende a legalidade da prestação de serviços de saúde por credenciamento, nominada “pejotização”, tendo em vista os modelos de gestão direta e indireta de unidades de saúde, bem como a necessidade da continuidade da prestação dos serviços de saúde, em especial no cenário pandêmico ainda delicado.

O credenciamento da prestação de serviços de saúde vem sendo amplamente utilizado pela Administração Pública há mais de duas décadas, com reconhecimento legal do Tribunal de Contas da União (TCU) e do Superior Tribunal de Justiça (STJ). Por meio de portaria de nº 134/2021 publicada pela Sesab, foi atualizada a tabela dos valores dos serviços por especialidades e unidades de saúde.

A PGE esclarece, ainda, que o litígio judicial, em verdade, iniciou-se em maio de 2021, quando o Ministério Público do Estado e Ministério Público do Trabalho ingressaram com Tutela Provisória de Urgência de Natureza Cautelar Preparatória, com pedido de liminar, tombada sob o nº 0000223-59.2021.505.0031, perante a Justiça do Trabalho.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Salvador - BA Atualizado às 11h35 - Fonte: ClimaTempo
26°
Trovoada e chuva

Mín. 24° Máx. 29°

Sex 26°C 24°C
Sáb 27°C 24°C
Dom 30°C 22°C
Seg 30°C 24°C
Ter 29°C 23°C
Horóscopo
Áries
Touro
Gêmeos
Câncer
Leão
Virgem
Libra
Escorpião
Sagitário
Capricórnio
Aquário
Peixes